29/05/2017

Um grupo de astrónomos recorreu à supercomputação para comparar os dados recolhidos das primeiras medições a escala reduzida das ondulações da Teia Cósmica. A região analisada situava-se a apenas 2 biliões de anos após o Big Bang, sendo o incentivo Mais +